Página Inicial
Home Memórias Depoimentos

Imprensa anuncia um festival nacional

O primeiro Musicanto atraiu a atenção dos principais veículos de comunicação do Rio Grande do Sul. As primeiras matérias que anunciavam a semana do festival já o colocavam, antecipadamente, como um dos eventos mais importantes do ano.

“O Musicanto já nasce como um dos mais importantes festivais do estado. Sua proposta é um esforço de integração entre a música gaúcha e latino-americana, particularmente a produzida na América do Sul” escreveu o jornalista Osvil Lopes, na então Folha da Tarde, da Companhia Jornalística Caldas Júnior.

A maioria das matérias em jornais e revistas em 83 chamavam a atenção para a novidade que o Musicanto representava no já consolidado movimento nativista gaúcho, iniciado com a Califórnia da Canção de Uruguaiana. “Um festival aberto às mais variadas expressões da música gaúcha, brasileira e latino-americana”, era a opinião unânime. Na edição do Jornal Zero Hora do dia 16 de novembro, quando iniciou oficialmente o festival, a manchete de página inteira anunciava: “Artistas de seis países e grandes nomes gaúchos estarão presentes”. Ilustravam a página, fotos de Borghetinho (iniciando sua vertiginosa ascensão), Elton Saldanha e Gilberto Monteiro. Os três fizeram o show “Ativo Nativismo”.

Fonte: Revista Musicanto 10 anos – Novembro de 1992. Página 6.


Página Inicial Informações Turísticas Contato Painel de Controle Musicanto no Facebook