Página Inicial
Home O Musicanto Edições Anteriores 20º Musicanto
  • Victor Hugo
  • Ronize Damassine
  • Dilan Camargo
  • Edu Alves
  • Juarez Fonseca
  • Marcelo Corsetti
  • Marcos Accioly
  • Pedro Figueiredo
  • Miguel Bicca

O Musicanto mais Sul-Americano de todos. Em sua vigésima edição o Musicanto contou com a participação de representantes da Argentina, Uruguai e Chile, além de representantes brasileiros do Rio Grande do Sul, Paulistas e Mineiros. O festival conseguiu manter sua riqueza cultural com composições nos gêneros Cueca, Candombe, Huiano y Saia, Baião, Xote, Acalanto, Son Montuno, Folia, Milongas, Toada, Canção, Chacareira e Instumentias, concorrendo à premiação em igualdade de condições.

Nessa edição o Musicanto surpreendeu a comunidade cultural do continente sul-americano com o retorno do Carro Zero KM para o primeiro lugar. A composição “Tambor de Minha Terra” com letra do poeta e escritor gaúcho Luiz de Miranda e música do compositor também gaúcho Ernesto Fagundes, levou a Porto Alegre-RS o Carro Zero KM. O compositor da letra foi muito feliz em sua composição, sintetizando um dos símbolos da cultura sul-americana e do próprio Musicanto, o instrumento musical Bombo Legüero. Com os versos: // Canta comigo, vai pelo mundo// És minha voz, meu companheiro // Canta comigo, vai pelo mundo // És meu amigo Bombo Legüero // .

Santa Rosa marcou presença nessa edição com uma das maiores promessas da música nativa Santa-rosense nos últimos anos, através do músico e compositor Antônio Carlos com o Baião “Quando a Alma Pega a Estrada”, música eleita pelo público como a mais popular do 20º Musicanto Sul-Americano de Nativismo. O prêmio de Segundo lugar foi para a música “Recandombe” da Uruguaia Giselle Graside, da cidade de Mercedes, e o terceiro lugar foi para a composição “Marionetas”, numa composição do chileno Agustín Moncada Zamorano, defendida pelo talentoso Grupo Kal, de Santiago do Chile, figura carimbada nos musicantos.

O Musicanto é o maior empreendimento cultural de Santa Rosa, em todos os tempos, um patrimônio cultural de nosso estado, país e continente Sul-Americano, e que está cada vez mais nas mãos da comunidade Santa-rosense, agora com a transformação do evento em OSCIP – Organização Social e Cultural de Interesse Público, numa iniciativa do Dr. Aquiles Giovelli – Presidente do 21º Musicanto e Comissão Organizadora.

  • 1º Lugar: TAMBOR DE MINHA TERRA
  • 2º Lugar: RECANDOMBE
  • 3º Lugar: MARIONETAS
  • Música mais popular: QUANDO A ALMA PEGA A ESTRADA
  • Melhor música instrumental: SEM QUERER
  • Melhor arranjo: “MEU BOI BARROSSO” - RELEITURA
  • Melhor intérprete: IVÂNIA CATARINA
  • Melhor letra: ACALANTO PARA A BELA ADORMECIDA
  • Melhor Instrumentista: ARTUR ELIAS CARNEIRO

Página Inicial Informações Turísticas Contato Painel de Controle Musicanto no Facebook