Página Inicial
Home O Musicanto Edições Anteriores 23º Musicanto
  • Lisiane Sackis
  • André Stürmer
  • Luis Carlos Borges
  • Lúcio Yanel
  • Odemar Gerhardt
  • Luis Bíssigo
  • Adilson Franck

O Festival administrado pela OSCIP, conduzido por seu presidente Aquiles Giovelli, com o total apoio da Administração Municipal e Governo Federal, através dos Ministérios da Cultura e do Turismo, repetiu o sucesso da edição passada. O Parque Municipal de Exposições, novamente acolheu músicos, intérpretes, compositores, imprensa e público com conforto no Pavilhão n.º 12. O Musicanto voltou duas décadas e relembrou a saudosa Mercedes Sosa, através de um Tributo a “La Negra” com a OSPA – Orquestra Sinfônica de Porto Alegre e participação especial de Luiz Carlos Borges – fundador do Musicanto. O festival de músicas inéditas nesse ano foi apresentado em uma única noite, fato que surpreendeu o público, acostumado com o formato tradicional. A grande vencedora foi “Ser-tão Forte”, vinda de Palmas-TO, composição de Genésio Tocantins – músico revelado para o público Gaúcho e Brasileiro em 1983/1º Musicanto. O 2º Lugar veio de mais longe, “Tonada de Las Hileras” composição de Jorgue Duarte Webber e Miguel Dario Diaz, defendida pelo Grupo El Anden de La Plata/Buenos Aires/Argentina. O 3º Lugar ficou com a composição “Rancho Caiado” dos Pratas da Casa Cristiano Rauber/João Carlos Loureiro e Glaudemir Escobar, música que acabou sendo escolhida pelo público como a Mais Popular. Shana Müller levantou o troféu “Merecedes Sosa” de melhor interprete do festival.

  • 1º Lugar: SER-TÃO FORTE
  • 2º Lugar: TONADA DE LAS HILERAS
  • 3º Lugar: RANCHO CAIADO
  • Música mais popular: RANCHO CAIADO
  • Melhor música instrumental: DE NOVO PRÁ “VÉIO”
  • Melhor arranjo: EU QUERO SER DO MUNDO
  • Melhor intérprete: SHANA MÜLLER
  • Melhor tema água: COM A BÊNÇÃO DO URUGUAY
  • Melhor Instrumentista: CLÁUDIO SANDER

Página Inicial Informações Turísticas Contato Painel de Controle Musicanto no Facebook